You are on page 1of 36

As plantas, tal

como os restantes
seres vivos,
necessitam de obter
materiais para
crescer e de energia
para realizarem as
suas funções vitais.
Elas retiram do
ambiente água,
minerais e dióxido
de carbono para
fabricarem o
próprio alimento e
libertam oxigénio
para a atmosfera.
Tudo isto na
presença de luz
solar.
Os minerais que estão dissolvidos na água, são
absorvidos pela planta através da zona pilosa da
raiz.
Uma vez dentro da planta passamos a denominar
essa mistura de seiva bruta.

Seiva Bruta  É o conjunto da água e


sais minerais (nela
dissolvidos) que a planta absorve
pela zona pilosa da raiz.
Circula em vasos condutores em
sentido ascendente pela parte mais
interna do caule.
A seiva bruta sobe desde a raiz até às folha
devido, principalmente, à transpiração.
A transpiração é
feita pelas
folhas da planta
e aspira a água
pelos vasos
condutores
fazendo-a entrar
pela zona pilosa.
As folhas têm umas estruturas minúsculas
que se chamam estomas que permitem as
trocas gasosas com o meio.
As plantas possuem um pigmento
verde que é responsável pela sua cor
e pela absorção da energia luminosa
que se chama clorofila (encontra-se
nos cloroplastos).
Através da clorofila, as plantas captam
energia da luz solar que é usada,
juntamente com o dióxido para transformar
a seiva bruta (matéria inorgânica) em seiva
elaborada (matéria orgânica) e oxigénio
(que é libertado.)
Seiva Elaborada  É um líquido
xaroposo, constituído por
substâncias orgânicas, como
o amido, produzidas pelas
plantas e que constituem o
seu alimento.
Circula em sentido
ascendente e descendente, pela
parte mais externa do caule.
Seiva
Elaborada

DIÓXIDO DE
CARBONO
Fotossíntese  Processo que as
plantas realizam que lhes
permite fabricar matérias
que lhes servem de alimento,
como o amido, a partir da
absorção de água e sais
minerais e na presença de
dióxido de carbono e luz
solar.
Muitas vezes os alimentos produzidos
pelas plantas, durante a fotossíntese,
não são utilizados na totalidade.
Muitas plantas armazenam
substâncias de reserva (geralmente
amido) em órgãos de reserva, como a
raiz, caule, folhas, flores, frutos e
sementes.
As substâncias de reserva servem
para que a planta consiga
sobreviver a períodos de escassez
e no caso das sementes para o
desenvolvimento de novas
plantas uma vez que ainda não
conseguem realizar a
FOTOSSÍNTESE.
As plantas realizam
trocas gasosas com o
meio na fotossíntese,
respiração e
transpiração.
Na Fotossíntese
libertam para o meio
ambiente o oxigénio,
consumindo o
dióxido de carbono.
Na respiração libertam
dióxido de carbono,
consumindo oxigénio. Estas
trocas gasosas fazem-se
principalmente nas folhas,
através dos estomas.
A seiva bruta sobe da raiz até às
folhas devido à perda de água que
ocorre continuamente nas folhas.
Na transpiração as
plantas perdem para o
meio água sob a forma
de vapor. Esta perda dá-
se principalmente
através das folhas.