You are on page 1of 41

Área de Educação e Cultura

Empreendedora
Contextualização

A sociedade contemporânea exige pessoas


empreendedoras, autônomas, com
competências múltiplas, que saibam
trabalhar em equipe, tenham capacidade de
aprender e de adaptar-se a situações novas
e complexas, de enfrentarem novos
desafios e promoverem transformações.
Desafio iniciado em 2001

Treinamento Educação
Empresarial Empreendedora
Relatório da Unesco – 4 pilares

Jacques Delors
• Saber aprender;
• Saber fazer;
• Saber ser;
• Saber Conviver.
Concepção Educacional Integrada do SEBRAE
• Aprender Conhecer • Aprender Ser/Conviver
• Teorias cognitivas • Teorias humanistas
• Hemisfério esquerdo • Hemisfério direito
• Razão/lógica • Intuição/síntese
• Pensar crítico • Pensar criativo
• Competências cognitivas • Competências atitudinais

• Aprender Fazer
• Teoria sociocrítica
• Base do cérebro
• Motriz/operacional
• Pensar operacional
• Competências de aplicação
Educação SEBRAE

• Formação do ser humano de maneira integral


• Foco na aprendizagem e construção do conhecimento
pelo participante
• Desenvolvimento de competências:
 Cognitivas;
 Atitudinas;
 Aplicação.
• Utilização de estratégias que estimulem a
aprendizagem e consideração aos diferentes estilos.
• Foco mais na estratégia e menos no conteúdo
• Conteúdo é meio.
Matriz de Soluções Educacionais

• Conjunto de cursos que visa o desenvolvimento de


competências para abertura e gestão de pequenos
negócios utilizando diferentes meios, inclusive educação a
distância
• Cursos de curta duração
• Foco na educação continuada
• Respeita a autonomia do adulto para construir seu plano
de desenvolvimento (trilha de aprendizagem)
• Possibilita o aprendizado conforme interesse ou
necessidade do cliente.
Mapa de Competências
Modalidades

• Presencial
• A distância:
Rádio
Televisão
Material impresso
Internet
• Semi-presencial.
Educação SEBRAE pelo Rádio

A Gente Sabe, a Gente Faz.


Educação SEBRAE pelo Rádio 2009
Kit Educativo

• Composto de vídeo e apostila


• Estudo autônomo ou telessala
• Linguagem simples
• Vídeo:
– Aprender a ser;
– Aprender a conviver;
• Apostila:
– Aprender a conhecer;
– Aprender a fazer.
Kit’s Educativo

Aprender a Empreender
Aprender a Empreender Sabor & Gestão Têxtil e Confecção

Juntos Somos Aprender a Empreender


Juntos Somos Fortes Boas Vendas Fortes Agronegócio Hotéis e Pousadas
Educação SEBRAE pela Internet
http://educacao.sebrae.com.br/

• Aprender a Empreender

• D-Olho na Qualidade

• Internacionalização das MPE

• Iniciando um Pequeno Grande


Negócio

• Como Vender Mais e Melhor

• Análise e Planejamento Financeiro


Objetivos

Disseminar a cultura empreendedora entre


os jovens a fim de despertar a iniciativa
e a busca de possibilidades de
inserção no mercado de trabalho
por meio da criação de
seus próprios empreendimentos.
Metodologia

Contempla a vivência do aluno nas


diversas fases do curso através de
jogos, dinâmicas, exercícios e
pesquisas intra e extra classe.
Temas Trabalhados por Anos Escolares

2º Ano: Doce Mundo das Balas


3º Ano: Mundo Faz de Conta
4º Ano: Praticando a Natureza
5º Ano: Locadora de Gibi
6º Ano: Quem Sabe faz a Hora
7º Ano: Oficina de Estamparia
8º Ano: Show Room de Papel
9º Ano: Desenvolvendo Empreendedores
O que é?

O jogo de empresas Desafio Sebrae é uma competição


nacional, de caráter educacional, promovida pelo
Sebrae - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e
Pequenas Empresas - em parceria com a Coppe/UFRJ.
O jogo utiliza um software exclusivo
e a competição tem como objetivo repassar os
conhecimentos da área de negócios para
todos participantes, independentemente do curso
de graduação que estejam fazendo.
Como funciona?

Os jogadores reúnem-se em grupos com 3 a 5


componentes e cada equipe fica responsável por
gerenciar virtualmente uma empresa. As equipes
são divididas em chaves, onde são simuladas
situações semelhantes às que os empresários
enfrentam no dia a dia.
A História do Seminário

• Metodologia desenvolvida nos EUA desde os anos


60, baseado em estudos da equipe de David McCleland
sobre a motivação para a realização.

• Nos anos 80, a ONU incorpora a metodologia e, em


parceria com a MSI, dos EUA, cria o ETW.

• Projeto introduzido no Brasil em 1991, no RS e SC.

• A partir de 1993 o projeto é assumido pelo Sebrae – a


efetiva nacionalização só aconteceria sete anos
depois.
O que é o Seminário Empretec?

• Metodologia trabalha, através de vivências, 10


Características do Comportamento Empreendedor
(CCEs), que compreendem 30 comportamentos
comuns aos empreendedores de sucesso

• Abordagem de fundo psicológico, que procura a


mudança comportamental com foco na melhoria do
desempenho na gestão empresarial.
As Caractarísticas e os
Comportamentos Empreendedores

• Conjunto de Realização (5 CCEs)


• Conjunto de Planejamento (3 CCEs)
• Conjunto de Poder (2 CCEs)
O Conjunto de Realização

• Busca de Oportunidades e Iniciativa

• Persistência

• Comprometimento

• Exigência de Qualidade e Eficiência

• Correr Riscos Calculados


O Conjunto de Planejamento

• Estabelecimento de Metas

• Busca de Informações

• Planejamento e Monitoramento Sistemático


O Conjunto de Poder

• Persuasão e Rede de Contatos


• Independência e Autoconfiança
O Ciclo de Aprendizagem Vivencial

Reconhecimento

Aplicação Compreensão

Processamento Auto-avaliação

Experimentação
Quem são os Empretecos Brasileiros?

• Em 2002, o SEBRAE realizou a primeira pesquisa de


impacto sobre o Programa Empretec no Brasil e
comparou-a ao GEM 2001. Alguns resultados:

• 78,8% possuem escolaridade superior (14,8% no


GEM)

• 37% estão na faixa etária de 35-44 anos, a mais


freqüente (a faixa 25-34 é a mais freqüente no GEM)

• 54,2% situam-se em famílias com renda superior a


12 SM mensais (13,4% no GEM)

• 41,2% são mulheres (37% no GEM)


Como são suas empresas?

• 41% dos Empretecos já eram empresários ao participar do


Seminário, contra uma média de 14% na PEA – 83% deles por
Oportunidade, contra 14% no GEM. Suas empresas:

• 92% são MPE’s

• 87% estão no setor de Serviços

• O Capital Fixo médio é de R$ 51.300,00 (atualizados sobre 2002


pelo IGP-M)

• Cada empresa tem em média 14,2 empregados

• 93% das empresas têm taxa de prevalência superior a um ano


(54% no GEM)

• A produtividade é 2,47 vezes superior à média Brasil (IBGE)


O que acontece depois do Seminário?

• 71% das empresas apresentaram crescimento – e a média foi de


64% sobre o exercício anterior ao Seminário. 12% se mantiveram
estáveis e 17% apresentaram redução de receitas (média de 14%) ou
fecharam as portas. Além disso:

• 50% tiveram crescimento de lucros (média de 66%)

• O número de empresas com planos por escrito aumentou de


7% para 31%

• 54% dos empresários se declararam mais seguros para decidir


depois do Seminário

• 62% das empresas geraram mais empregos do que antes do


Seminário

• A massa salarial aumentou 32% sobre o volume pré- Seminário


Os números do Empretec no Brasil

• De 1993 a 2008...
• 5.079 SEMINÁRIOS, 135.766 Empretecos
• Média de 317 SEMINÁRIOS / ano; 8.485 novos
Empretecos / ano
O Programa Empretec no Mundo

• A Gestão internacional do Empretec está a cargo da DITE, órgão da


UNCTAD
• A visão internacional é usar a marca como base para a implantação de
BDSs em países em desenvolvimento – ampliando a geração de
emprego, riqueza e renda
• Neste contexto, o Brasil tem destaque como principal parceiro
potencial
• O Empretec está presente em 31 países (23 ativos), em sua maioria na
América Latina e Caribe, África, Oriente Médio e Europa Oriental
• Apenas 12 países possuem equipe própria para a realização de
Seminário
• Apenas 6 países já fizeram mais de 50 Seminários
• Apenas o Brasil já fez mais de 500 Seminários – marca repetida
anualmente
• Mais de 90% dos Empretecos no mundo são brasileiros (e mais de
95% dos instrutores)
Trabalho e Empreendedorismo da Mulher

Promove o empreendedorismo e oportunidades de


negócios, através da atuação integrada de mulheres e
de sua rede sócio-cultural, criando condições técnicas e
operacionais para a geração de pequenos novos
negócios.
Muito obrigado!
Francisco José Marins Ferreira
Gerente da Área de Educação e Cultura
Empreendedora - SEBRAE/RJ
fjose@sebraerj.com.br