You are on page 1of 2

I

Cinza
o mundo se desfaz

As florestas queimando
num fogo sem cor
tudo
caindo
pouco
a
pouco

tudo runa
tudo envolto
numa nvoa fina

uma solido espessa


no h ningum no espelho

tudo rudo
tudo rudo e runa

tudo foge

II

A terra desolada que


nasce dos seus olhos
onde tudo rudo e runa

Uma imensa tempestade de areia


que cobre suas imagens cor de cobre

tudo foge
se desfaz
e
s
c
o
r
r
e
pela mo
pela pele
e some

assustadores girassis negros


que sugam como os olhos de uma mulher

Voc escapa da tela


por um grito
uma violncia que seduz
enquanto o mundo se desmancha
e o tempo nos corri
numa tortura lenta

Assisto ao fim do mundo


atravs dos seus olhos