You are on page 1of 3

Pelo fim do Feminismo

Femismo é igual a Feminismo

Como todo arquiteto de castelos de cartas, que morrem de medo da


menor brisa, as feministas também se apavoram quando alguém
resiste à ideologia mentirosa do feminismo. No fundo, elas sabem
que o gigante delas tem pés de barro. Então elas tentam várias
trapaças para silenciar as vozes discordantes do feminismo. A
trapaça ou truque feminista mais usado é tentar desmoralizar a
pessoa que critica o feminismo. Dessa forma, elas fazem textos e
mais textos para tentar provar que o detrator do feminismo é uma
pessoa má, ignorante e sem credibilidade nenhuma e, por ter tantos
defeitos, qualquer opinião dele, não vale nada. Esse foi o método
que as feministas da UFMS usaram contra mim, para me expulsar
da Pós-Graduação em Gênero e Raça. Basicamente, essa é a
estratégia argumentativa das feministas em mais de 90% dos
casos: Elas tentam denegrir a reputação do oponente, tentam
desmoralizá-lo e irritá-lo; mas elas nunca tentam refutar os
argumentos contra o feminismo, já que não é possivel refutar a
verdade. Mas as feministas ainda usam outros truques sujos para
tentar sabotar quem critica o movimento delas. Um dos truques
mais sujos que elas usam é o chamado de "rotulagem", onde elas
repetem à exaustão palavras de conotação pejorativa para se referir
às pessoas que discordam delas. Assim, elas chamam os homens
que criticam o feminismo de "Reaças" - de Reacionários. Ou de
"Mascus" - de Maculinistas, mas com conotação pejorativa.
Chamam de Machistas, intolerantes, fascistas etc, etc, qualquer
palavra ofensiva que surja na mente depravada das feministas
serve e elas tentam "grudar" essas palavras nos seus adversários.
Contudo, o rol de truques sujos e desonestos do feminismo está
longe de terminar. Outra estratégia desonesta que elas usam para
tentar lançar a confusão na opinião pública é manipular as palavras
e seus significados, inventando palavras novas ou dando a palavras
já existentes um novo significado. Dessa forma, quando as
feministas viram que alguns homens começaram a se opor ao
feminismo e muitas das inocentes úteis de baixo escalão do
movimento feminista começaram a fazer perguntas para suas
líderes, elas logo descartaram esses questionamentos legitimos,
dizendo que na verdade, quem os homens estavam criticando
seriam as "Femistas" e não as "Feministas", pois o Femismo é que
busca a superioridade da mulher; mas o Feminismo é bom e só
busca a igualdade dos sexos. Muitas mulheres dos baixos escalões
do movimento feminista ficaram satisfeitas com essa resposta e
puderam dormir com a consciência tranquila, afinal, elas não faziam
parte do diabólico movimento "Femista"; mas sim do movimento
"Feminista". No entanto, não existe nenhum movimento "Femista".
Essa palavra nem sequer existe, nem está registrada em dicionário
nenhum do mundo. Não existe essa estória de "Femista" e de
"Feminista". O problema é com o FEMINISMO mesmo, é o
Feminismo que está errado e deve ser combatido e varrido da face
da Terra.
Esses truques sujos de manipular o significado das palavras
também é usado para promover a agenda feminista, através da
reengenharia social e propaganda ideológica, elas tentam dar às
palavras novos significados. Um exemplo da audácia das feministas
nesses truques sujos são as chamadas "Marchas das Vadias", onde
as feministas inverteram em poucas semanas o significado de uma
palavra: "Vadias", que antes era usada para ofender; mas que
agora, elas transformaram tal palavra em um "elogio".
Contudo, assim como toda bruxa, ou mágico de truques baratos,
esses feitiços só funcionam até o momento em que o público
descobre como eles são feitos. Quando o publico sabe como é que
o mágico tira o coelho de dentro da cartola, quando o publico
conhece o segredo do truque, a ilusão se desfaz e o mágico de
truques baratos não terá mais sucesso em suas bruxarias. O
mesmo se aplica aqui ao feminismo. Uma vez que as pessoas
conheçam os truques sujos que o feminismo usa; o povo fica
vacinado contra esse vírus ideológico e não cai mais na armação.
Veremos qual será o próximo truque sujo que as feministas vão
retirar de dentro da manga dessa vez, porque até o truque feminino
de tirar a roupa e ficarem peladas elas já usaram na Marcha das
Vadias. Qual será o próximo passo? Elas vão enfiar um abacaxi
dentro da bunda e sair peladas no meio da rua? Seria a "Marcha
dos abacaxis". Sinceramente pessoal, eu não duvido de nada
daquelas malucas. Realmente eu acho que se elas lerem esse post
aqui, elas vão ficar bravas que nem ficaram com aquele chefe de
policia do Canadá que as chamou de "vadias" e eu acho que elas
vão sentar em um abacaxi e vão começar a andar no meio da rua
com o abacaxi enfiando dentro do traseiro.