You are on page 1of 33

1

A
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

Plenitude
do Espírito
Santo
A necessidade de Ser Cheio
do Espírito.

Pr. Deuzilian Júnior


2
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

SUMÁRIO

1. Introdução:

2. Quem é o Espirito Santo?


a. Seu nome.
b. Sua personalidade.
c. Sua divindade.
c.1 Eternidade (Hb.9:14).
c.2 Onipresença (Sl.139:7-10).
c.3 Onipotência (Lc.1:35).
c.4 Onisciência (I Co.2:10,11).
d. Sua ação na historia do Antigo Testamento.
d.1 O Espirito Santo na Criação.
d.2 O Espírito Santo na era patriarcal
d.3 Instruindo o povo do deserto
d.3 A Ação do Espirito Santo nos tempo dos juízes e reis
d.5 A promessa no Antigo Testamento
d.4 A promessa do Pai à Igreja(Jo 14.16,17)

d.5 O Cumprimento da promessa Pentecostes(At 2.1-4 ).

3. Sua ação no Novo testamento


3.a Sua ação na vida e ministério de Jesus.
3.b Em relação aos crentes:
4. O Batismo com Espirito Santo.
4.a Batismo com ou no Espirito Santo?
4.b Vivemos o chamado Ministério do Espirito.
5. Testemunhos de sua manifestação
5.aAvivamento de Samaria.
5.b Avivamento na casa de Cornélio.
5.c Apolo
5.d Os discípulos em Éfeso.
3
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

5.e Charles Paham e William J. Seymour


5.f Daniel Berg
5.g Gunnar Vingrem
5.h Celina de Albuquerque
5.i Maria de Jesus Nazaré Araújo
6. Seis Atitudes para Ser Cheio do Espirito Santo.
6.a Será que sou batizado no Espirito Santo?
6.b Como posso entender a benção do batismo?
6.c Atitude para se Cheio do Espirito Santo
6.d Atitude para ser cheio do Espirito Santo:
6.e Atitude para ser cheio do Espirito Santo.
6.d Atitude para ser cheio do Espirito Santo.
7. Cinco motivos que leva o fogo do Espirito Santo a extinguir-se.
7.a 1º Cessar de arrepender-se.
7.c 3ºUma vida de oração medíocre.
7.d 4º Deixar de praticar o dom
7.d.1 Como aquele que não valoriza as profecias recebidas.
7.d.2 Como aquele que deixa de usar o dom de profecia e outros dons.
7.d.3 Razões porque o desprezo pode acontecer:
A experiência confirma.

8. Bibliografia
4
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

1. Introdução:

Algumas passagens bíblicas nos revelam a pré-existência do Cordeiro de Deus,


nós oferecendo um indicativo que Deus já havia preparado um plano de resgate
para o homem perdido, mesmo antes de se perder. E isso faz parte das coisas
reservadas por Deus para o homem, atrai-lo de volta, habitar com ele, enchê-lo
de sua presença. Durante o período do Antigo Testamento, Deus usou vários
profetas para informar seu plano de morar com os homens e enche-lo com a sua
gloria. O grande plano cósmico de Deus é esse, e já cumpriu parte dele com a
gloriosa vinda do Espirito Santo fazer de cada um de nós o seu tabernáculo, a
sua habitação.

E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os
homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus
estará com eles, e será o seu Deus. Apocalipse 21:3

Mas Ele deseja muito mais que só nos habitar, Ele deseja nos usar com grande
poder, mas para isso é necessários que busquemos e permitamos o seu agir em
nossas vidas.

Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis
testemunhas... Atos 1:8

Este trabalho é fruto de uma reflexão compartilhada nas nossas doutrinas. Não é
uma ideia original, mas a soma da compreensão dos materiais estudados. Não é
um estudo aprofundado, tendo em vista a complexidade e profundidade do
assunto aqui tratado, tivemos apenas a intenção de trazer uma visão
panorâmica a respeito da pessoa do Espirito Santo, e tão pouco houve, nesse
momento, uma preocupação em fazer uma revisão ortográfica, de modo que é
um material amador e voltado apenas a despertar o interesse pela busca mais
empenhada sobre esse tema. Espero que esse objetivo seja alcançado.
5
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

2. Quem é o Espirito Santo?

O Espirito Santo é uma pessoa divina dotada de todos os atributos que o


qualifica como tal. Como veremos a seguir possui personalidade e natureza
divina.

a. Seu nome.

Espirito Santo do hebraico Ruah Kadosh ou Haqódesh; do grego Hagios


Peneumathos, que pode ser traduzida por vento; espírito, alma, atmosfera e
sopro.

Em Gn 1.2 é a primeira vez que é mencionado na bíblia, E a terra era sem forma
e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo; e o Espirito de Deus se movia
sobre a face das aguas. Gn 1.2.

Aqui ele aparece como RUACH ELOHIM ( ) Espírito de Deus.

Mas também é chamado de:

Espírito de Deus
“E, sendo Jesus batizado, saiu logo da água, e eis que se lhe abriram os céus, e
viu o Espírito de Deus descendo como pomba e vindo sobre ele. Mateus 3:16”
ACF

Senhor e Espirito do Senhor


Ora, o Senhor é o Espírito; e onde está o Espírito do Senhor, aí há liberdade.
2 Coríntios 3:17

Espírito de Cristo
Indagando que tempo ou que ocasião de tempo o Espírito de Cristo, que estava
neles, indicava, anteriormente testificando os sofrimentos que a Cristo haviam de
vir, e a glória que se lhes havia de seguir. 1 Pedro 1:11
6
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

Espírito de Vida
Porque a lei do Espírito de vida, em Cristo Jesus, me livrou da lei do pecado e da
morte. Romanos 8:2. ACF

Espírito da Verdade.
O Espírito de verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê nem o
conhece; mas vós o conheceis, porque habita convosco, e estará em vós.
João 14:17 e + João 16.13. ACF

Consolador/Conselheiro/Ajudador: (Isaías 11:2, João 14:16, 15:26, 16:7)

E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco
para sempre; João 14:16. ACF

b. Sua personalidade.

O que classifica a individualidade de alguém é a sua personalidade, cada ser


humano tem sua personalidade própria, que é a essência da pessoa, o que a torna
única, é o modo de ser de alguém. O Espirito Santo, segundo a palavra de Deus, é
dotado de qualidades que o classifica como uma pessoa, ou seja, muito mais que
apenas uma mera força ativa de Deus.
b.2 Se entristece: Efésios 4:30
b.3 Ama: Rm 15.30

b.4 Inteligência (I Co.2:10,11; Rm.8:27).


b.5 Vontade (I Co.12:11).

b.6 Amor (Rm.15:30).


b.7 Bondade (Ne.9:20).

b.8 Tristeza (Ef.4:30; Is.63:10).


7
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

b.9 Ele perscruta (I Co.2:10).

b.10 Ele fala ( Gl.4:6; Jo.15:26 Marcos 13:11; Marcos 12:36; Atos 4:25; Atos
10:19; Atos 13:2; Atos 21:11; Atos 28:25; Hebreus 3:7; Ap. 2.7).
b.11 Ele intercede (Rm.8:26).
b.12 Ele ensina (Jo.14:26).

b.13 Ele guia (Jo.16:12-14; Gl 5.18; Ne.9:20).


b.14 Ele chama (At.13:2;20:28).

b.15 Ordena (At. 13.1,2)


b.16 Pecamos contra ele . Marcos 3:29 Lucas 12:10 Atos 5:3 Atos 7:51
Hebreus 10:29 . Mateus 12:31,32 Isaías 63:10
b.17 Tem vontade própria pois, impede e convida. At. 16.6; Mateus 28:19
2ºCoríntios 13:14 . 1 João 5:7

c. Sua divindade.

Como vimos anteriormente, o Espirito Santo é uma pessoa, mas não é apenas
uma pessoa, é Deus, como o Pai e o Filho, com todos os atributos que o classifica
desta forma.

c.1 O Espírito Santo é Deus (1Jo 5.6,7)

Este é aquele que veio por água e sangue, isto é, Jesus Cristo; não só por água,
mas por água e por sangue. E o Espírito é o que testifica, porque o Espírito é a
verdade. Porque três são os que testificam no céu: o Pai, a Palavra, e o Espírito
Santo; e estes três são um. E três são os que testificam na terra: o Espírito, e a
água e o sangue; e estes três concordam num. 1 João 5:6-8 ACF.

c.1 Eternidade (Hb.9:14).

Quanto mais o sangue de Cristo, que pelo Espírito eterno se ofereceu a si mesmo
imaculado a Deus, purificará as vossas consciências das obras mortas, para
servirdes ao Deus vivo? Hebreus 9:14 ACF
8
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

c.2 Onipresença (Sl.139:7-10).

Para onde me irei do teu espírito, ou para onde fugirei da tua face? Salmos
139:7

c.3 Onipotência (Lc.1:35).

E, respondendo o anjo, disse-lhe: Descerá sobre ti o Espírito Santo, e a virtude do


Altíssimo te cobrirá com a sua sombra; por isso também o Santo, que de ti há de
nascer, será chamado Filho de Deus. Lucas 1:35 ACF

c.4 Onisciência (I Co.2:10,11).

Mas Deus no-las revelou pelo seu Espírito; porque o Espírito penetra todas as
coisas, ainda as profundezas de Deus. Porque, qual dos homens sabe as coisas
do homem, senão o espírito do homem, que nele está? Assim também ninguém
sabe as coisas de Deus, senão o Espírito de Deus. 1 Coríntios 2:10,11 ACF

d. Sua ação na historia do Antigo Testamento.

d.1 O Espirito Santo na Criação.

E a terra era sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo; e o
Espírito de Deus se movia sobre a face das águas. Gênesis 1:2 ACF

O Espirito Santo, Assim como Jesus que é o verbo encarnado, exerceu um papel
ativo na criação, preparando tudo para que a palavra criadora de Deus dessa
forma ao mundo.

Participou da criação do homem. E disse Deus: Façamos o homem à nossa


imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e
sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo o réptil
que se move sobre a terra. Gênesis 1:26
9
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

d.2 O Espírito Santo na era patriarcal

E disse Faraó a seus servos: Acharíamos um homem como este em quem haja o
espírito de Deus? Depois disse Faraó a José: Pois que Deus te fez saber tudo isto,
ninguém há tão entendido e sábio como tu. Gênesis 41:38,39ACF

Na Era patriarcal o Espirito Santo atuou de varias formas...

d.3 Instruindo o povo do deserto

E deste o teu bom espírito, para os ensinar; e o teu maná não retiraste da sua
boca; e água lhes deste na sua sede. Neemias 9:20

Inspirando na composição dos Salmos (2Sm 23.2; cf At. 1.16,20; Hb. 3.7-11)

Inspirando os profetas em suas proclamações (Nm 11.29; 1Sm 10.5,6,10; 2Cr


20.14; 24.19,20; Ne 9.30; Is 61.1-3; Mq 3.8; Zc 7.12; cf. 2Pe 1.20,21).

d.3 A Ação do Espirito Santo nos tempo dos juízes e reis

Vinha sobre uns poucos indivíduos selecionados para servirem a DEUS de modo
especial, e os revestia de poder.

José
Foi outorgado o ESPÍRITO para capacitá-lo a agir de modo eficaz na casa de Faraó
(Gn 41.38-40).

Bezalel e Ooliabe,
Fazer o trabalho artístico necessário à construção do Tabernáculo, e também
para ensinarem aos outros (ver Êx 31.1-11; 35.30-35).

Josué
Então disse o Senhor a Moisés: Toma a Josué, filho de Num, homem em quem
há o Espírito, e impõe a tua mão sobre ele. Números 27:18

Gideão
10
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

Então o Espírito do SENHOR revestiu a Gideão, o qual tocou a buzina, e os


abiezritas se ajuntaram após ele. Juízes 6:34

Otniel
os filhos de Israel clamaram ao Senhor, e o Senhor levantou-lhes um libertador,
que os libertou: Otniel, filho de Quenaz, irmão de Calebe, mais novo do que ele.
E veio sobre ele o Espírito do Senhor, e julgou a Israel, e saiu à peleja; e o Senhor
entregou na sua mão a Cusã-Risataim, rei da Síria; contra o qual prevaleceu a sua
mão. Juízes 3:9-10

Jefté
Então o Espírito do Senhor veio sobre Jefté, e atravessou ele por Gileade e
Manassés, passando por Mizpá de Gileade, e de Mizpá de Gileade passou até aos
filhos de Amom. Juízes 11:29

Sansão
Então o Espírito do Senhor se apossou dele tão poderosamente que despedaçou
o leão, como quem despedaça um cabrito, sem ter nada na sua mão; porém nem
a seu pai nem a sua mãe deu a saber o que tinha feito. Juízes 14:6
Saul
E o Espírito do Senhor se apoderará de ti, e profetizarás com eles, e tornar-te-ás
um outro homem. 1 Samuel 10:6

Davi
Então Samuel tomou o chifre do azeite, e ungiu-o no meio de seus irmãos; e
desde aquele dia em diante o Espírito do Senhor se apoderou de Davi; então
Samuel se levantou, e voltou a Ramá. 1 Samuel 16:13

d.5 A promessa no Antigo Testamento

Joel 2.28,29, citado por Pedro no dia de Pentecoste (At 2.17,18).


Isaias 32.15-17; 44.3-5; 59.20,21;
Ezequiel 11.19,20; 36.26,27; 37.14; 39.29.

d.4 A promessa do Pai à Igreja(Jo 14.16,17)


11
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

d.5 O Cumprimento da promessa Pentecostes(At 2.1-4 )

3. Sua ação no Novo testamento

3.a Sua ação na vida e ministério de Jesus.

Concebido pelo ESPÍRITO SANTO (Lc.1:35) (Mt 1.18,23; Lc 1.27 (Lc 1.15)

Ungido pelo ESPÍRITO SANTO (At.10:38; Is.11:2;61:1; Lc.4:14,18;


Mt.12:17,18).

O BATISMO DE JESUS. (Mt 3.16,17; Lc 3.21,22).

Guiado pelo ESPÍRITO SANTO (Mt.4:1,2).

Cheio do ESPÍRITO SANTO (Lc.4:1; Jo.3:34).

Ministério (Lc.4:14,18,19; Is.61:1).

Sacrifício (Hb.9:14).

Ressurreição (Rm.8:11; Rm.1:4).

Deu mandamentos pelo ESPÍRITO SANTO (At.1:1,2).

3.b Em relação aos crentes:

Regenera (Jo.3:3-6;6:63; Tt.3:5; I Co.2:4;3:6).

Batiza (Jo.1:32-34; I Co.12:13; At.1:5).

Habita (I Co.3:16;6:15-19; Rm.8:9).

Sela (Ef.1:13,14;4:30).

Testifica (Rm.8:14,16).
12
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

Fortalece (Ef.3:16).

Enche (Ef.5:18-20).

Liberta (Rm.8:2).

Guia (Rm.8:14; At.8:27-29;13:2,4).

Ilumina (I Co.2:12,14).

Instrui (Jo.16:13,14).

Capacita (I Ts.1:5; At.1:8; I Co.2:1-5).

Produz Frutos (Gl.5:22,23; Fp.3:3; At.2:11).

Intercede (Rm.8:26; Jd.20).

4. O Batismo com Espirito Santo.


fonte EBD2011 Compilação

4.a Batismo com ou no Espirito Santo?

O batismo no ESPÍRITO SANTO é uma obra distinta e à parte da regeneração,


também por Ele efetuada. Assim como a obra santificadora do ESPÍRITO é
distinta e completiva em relação à obra regeneradora do mesmo ESPÍRITO,
assim também o batismo no ESPÍRITO complementa a obra regeneradora e
santificadora do ESPÍRITO. No mesmo dia em que JESUS ressuscitou, Ele
assoprou sobre seus discípulos e disse: “Recebei o ESPÍRITO SANTO” (Jo 20.22),
indicando que a regeneração e a nova vida estavam-lhes sendo concedidas.
Depois, Ele lhes disse que também deviam ser “revestidos de poder” pelo
ESPÍRITO SANTO (Lc 24.49; cf. At 1.5,8). Portanto, este batismo é uma
experiência subseqüente à regeneração (ver 11.17; 19.6).

At 1.5 “Porque, na verdade, João batizou com água, mas vós sereis batizados
com o ESPÍRITO SANTO, não muito depois destes dias.”
13
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

Uma das doutrinas principais das Escrituras é o batismo no ESPÍRITO SANTO


(ver 1.4). A respeito do batismo no ESPÍRITO SANTO, a Palavra de DEUS ensina o
seguinte:

O batismo no ESPÍRITO é para todos que professam sua fé em CRISTO; que


nasceram de novo, e, assim, receberam o ESPÍRITO SANTO para neles habitar.

Um dos alvos principais de CRISTO na sua missão terrena foi batizar seu povo no
ESPÍRITO (Mt 3.11; Mc 1.8; Lc 3.16; Jo 1.33). Ele ordenou aos discípulos não
começarem a testemunhar até que fossem batizados no ESPÍRITO SANTO e
revestidos do poder do alto (Lc 24.49; At 1.4,5,8).

Ser batizado no ESPÍRITO significa experimentar a plenitude do ESPÍRITO, (cf.


1.5; 2.4). Este batismo teria lugar somente a partir do dia de Pentecoste.
Quanto aos que foram cheios do ESPÍRITO SANTO antes do dia de Pentecoste
(e.g. Lc 1.15,67), Lucas não emprega a expressão “batizados no ESPÍRITO
SANTO”. Este evento só ocorreria depois da ascensão de CRISTO (1.2-5; Lc
24.49-51, Jo 16.7-14).

O livro de Atos descreve o falar noutras línguas como o sinal inicial do batismo
no ESPÍRITO SANTO (2.4; 10.45,46; 19.6).

O batismo no ESPÍRITO SANTO outorgará ao crente ousadia e poder celestial


para este realizar grandes obras em nome de CRISTO e ter eficácia no seu
testemunho e pregação (cf. 1.8; 2.14-41; 4.31; 6.8; Rm 15.18,19; 1Co 2.4). Esse
poder não se trata de uma força impessoal, mas de uma manifestação do
ESPÍRITO SANTO, na qual a presença, a glória e a operação de JESUS estão
presentes com seu povo (Jo 14.16-18; 16.14; 1Co 12.7).

Outros resultados do genuíno batismo no ESPÍRITO SANTO são: (a) mensagens


proféticas e louvores (2.4, 17; 10.46; 1Co 14.2,15); (b) maior sensibilidade
contra o pecado que entristece o ESPÍRITO SANTO, uma maior busca da retidão
e uma percepção mais profunda do juízo divino contra a impiedade (ver Jo 16.8;
At 1.8); (c) uma vida que glorifica a JESUS CRISTO (Jo 16.13,14; At 4.33); (d)
visões da parte do ESPÍRITO (2.17); (e) manifestação dos vários dons do
ESPÍRITO SANTO (1Co 12.4-10); (f) maior desejo de orar e interceder (2.41,42;
3.1; 4.23-31; 6.4; 10.9; Rm 8.26); (g) maior amor à Palavra de DEUS e melhor
14
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

compreensão dela (Jo 16.13; At 2.42) e (h) uma convicção cada vez maior de
DEUS como nosso Pai (At 1.4; Rm 8.15; Gl 4.6).

A Palavra de DEUS cita várias condições prévias para o batismo no ESPÍRITO


SANTO. (a) Devemos aceitar pela fé a JESUS CRISTO como Senhor e Salvador e
apartar-nos do pecado e do mundo (2.38-40; 8.12-17). Isto importa em
submeter a DEUS a nossa vontade (“àqueles que lhe obedecem”, 5.32).
Devemos abandonar tudo o que ofende a DEUS, para então podermos ser “vaso
para honra, santificado e idôneo para o uso do Senhor” (2Tm 2.21). (b) É preciso
querer o batismo. O crente deve ter grande fome e sede pelo batismo no
ESPÍRITO SANTO (Jo 7.37-39; cf. Is 44.3; Mt 5.6; 6.33). (c) Muitos recebem o
batismo como resposta à oração neste sentido (Lc 11.13; At 1.14; 2.1-4; 4.31;
8.15,17). (d) Devemos esperar convictos que DEUS nos batizará no ESPÍRITO
SANTO (Mc 11.24; At 1.4,5).

O batismo no ESPÍRITO SANTO permanece na vida do crente mediante a oração


(4.31), o testemunho (4.31, 33), a adoração no ESPÍRITO (Ef 5.18,19) e uma vida
santificada (ver Ef 5.18 notas). Por mais poderosa que seja a experiência inicial
do batismo no ESPÍRITO SANTO sobre o crente, se ela não for expressa numa
vida de oração, de testemunho e de santidade, logo se tornará numa glória
desvanecente.

O batismo no ESPÍRITO SANTO ocorre uma só vez na vida do crente e move-o à


consagração à obra de DEUS, para, assim, testemunhar com poder e retidão. A
Bíblia fala de renovações posteriores ao batismo inicial do ESPÍRITO SANTO (ver
4.31; cf. 2.4; 4.8, 31; 13.9; Ef 5.18). O batismo no ESPÍRITO, portanto, conduz o
crente a um relacionamento com o ESPÍRITO, que deve ser renovado (4.31) e
conservado (Ef 5.18).

4.b Vivemos o chamado Ministério do Espirito.

Como não será de maior glória o ministério do Espírito? 2Co 3.8.

Enchendo. Atos 4:8 Lucas 1:41 Atos 7:55 Atos 11:24 Atos 13:9 Atos 4:31 Atos 9:17
Atos 6:3 ; Atos 6:5

Conduzindo: Lucas 2:27 Atos 16:6 Lucas 4:1 . Atos 13:4 Mateus 4:1 Marcos 1:12
15
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

Ensinando: Lucas 12:12 Atos 15:28 Atos 1:2 . 2 Pedro 1:21 Efésios 6:17 Coríntios
2:13 João 14:26

Revelando Lucas 2:26 , Hebreus 9:8 . Atos 20:23 . Atos 11:28 . Atos 21:4 . 1 Coríntios
2:10 . 1 João 2:20 ; Atos 1:16 . 1 Pedro 1:12

Testificando: Romanos 9:1 , 2 Coríntios 6:6 Atos 5:32 . 1 João 5:6 Hebreus 2:4
Hebreus 10:15

Capacitando 1 Coríntios 12:7 . 1 Coríntios 12:1 1 . Romanos 5:19 . 1 João 2:20.


Romanos 15:13. Atos 10:38 Atos 20:28

Alegrando, Romanos 14:17 . 1 Tessalonicenses 1:6 . Lucas 10:21 Atos 9:31

Convencendo, Mateus 22:43 Atos 20:22 . 2 Coríntios 1:22 . Lucas 4:14 ; Tito 3:6 .
Romanos 8:23 . 1 Coríntios 2:15 . Mateus 3:16 . 1 Coríntios 12:3

Santificando. 2 Tessalonicenses 2:13 2 Coríntios 13:13 Romanos 15:16 Tito 3:5

5. Testemunhos de sua manifestação

5.aAvivamento de Samaria.

Ainda estamos na primeira metade do primeiro século, a igreja está em franca


expansão, a palavra é poderosamente anunciada, multidões ouvem atentamente e
muitos se rendem a Cristo.

Certo dia, Pedro e João estavam em Jerusalém quando são surpreendidos com uma
tarefa.

Ouvimos dizer que é grande o reboliço em Samaria... Disseram a Pedro e João. ...
ouvimos falar muitos de milagres e multidões tem se rendido ao pés de Jesus, quero
que você vão a Samaria e averigue o que está acontecendo

Quando Pedro e João chegam àquela cidade percebe que ali há um genuíno
movimento de arrependimento e verdadeira conversão e não lhes resta alternativa
16
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

além de impor as suas mãos e invocarem sobre eles a benção do batismo com o
Espirito Santo.

“Então lhes impuseram as mãos, e receberam o Espírito Santo. Atos 8:17”

5.b Avivamento na casa de Cornélio.

Agora Pedro está na casa do Simão curtidor, quando alguns homens param diante da
casa e perguntam por um tal Simão que tem por sobrenome Pedro, Eram homens
enviados por um tal de Cornélio, centurião da corte Italiana. Apesar da urgência do
chamado, eles só empreendem viajem no dia seguinte. Quando chegam na casa de
Cornélio , ele os esperava ansioso, e havia convidado os seus parentes e amigos
íntimos. Pedro Então começa a sua pregação:

E, abrindo Pedro a boca, disse: Reconheço por verdade que Deus não faz acepção
de pessoas; Mas que lhe é agradável aquele que, em qualquer nação, o teme e faz
o que é justo. A palavra que ele enviou aos filhos de Israel, anunciando a paz por
Jesus Cristo (este é o Senhor de todos); Esta palavra, vós bem sabeis, veio por toda
a Judéia, começando pela Galiléia, depois do batismo que João pregou; Como Deus
ungiu a Jesus de Nazaré com o Espírito Santo e com virtude; o qual andou fazendo
bem, e curando a todos os oprimidos do diabo, porque Deus era com ele. E nós
somos testemunhas de todas as coisas que fez, tanto na terra da Judéia como em
Jerusalém; ao qual mataram, pendurando-o num madeiro. A este ressuscitou Deus
ao terceiro dia, e fez que se manifestasse, Atos 10:34-40

Quando Pedro começa a relatar a respeito da promessa de Deus e seu cumprimento


em Jesus. O Espírito Santo cai sobre todos os que estavam ali ouvindo a palavra, e
foram todos cheios do Espirito Santo, tal qual foram aqueles que estavam no
cenáculo nos dia em que o Espirito Santo desceu.

Nós podemos observar que o Batismo com o Espirito Santo está vinculado à
pregação da palavra, por que é necessário que antes se desperte a fé e o profundo
desejo de receber aquilo que foi prometido por Deus e a busca incessante através da
oração.
17
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus. Romanos 10:17

5.c Apolo

At. 18.24-28 Quando Apolo entra em cena, Lucas testifica que era varão poderoso
nas Escrituras, no entanto só conhecia o batismo de João, Áquila e Priscila ouvindo-o
pregar viu que faltava algo na sua pregação, então o convida para um almoço e lhe
explica melhor a respeito do caminho de Deus. Certamente o que Áquila e Prisicla fez
foi mostrar todo o ministério de Jesus Cristo e como operou pelo poder do Espirito
Santo, pois o caminho de Deus se referia a obra de Cristo.

Mas confesso-te isto que, conforme aquele caminho que chamam seita, assim sirvo
ao Deus de nossos pais, crendo tudo quanto está escrito na lei e nos profetas. Atos
24:14

5.d Os discípulos em Éfeso.

Os discípulos que Paulo achou em Éfeso disseram que não haviam ouvidos falar que
havia Espirito Santo, pode ser que eles de fato nunca tenham ouvido falar do Espirito
Santo, ou talvez já conhecia os relatos do antigo testamento, mas que não sabia que
a promessa do pai já havia se cumprido, de qualquer forma fica destacado nesse
texto a preocupação de Paulo de que eles fossem revestidos pelo Espirito Santo.

e como Paulo resolve esse problema? Falando a respeito da obra de Cristo como o
cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo e também aquele que batiza com o
Espirito santo.

Paulo disse: Certamente João batizou com o batismo de arrependimento, dizendo


ao povo que cresse no que após ele havia de vir, isto é, em Jesus Cristo. E os que
ouviram foram batizados em nome do Senhor Jesus. E, impondo-lhes Paulo as
mãos, veio sobre eles o Espírito Santo; e falavam línguas, e profetizavam. E estes
eram, ao todo, uns doze homens. Atos 19:1-7
18
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

5.e Charles Paham e William J. Seymour

Na ultima década do século 19, por volta de 1890 a igreja nos EUA vivia um tempo de
esterilidade espiritual, os crentes viviam uma vida espiritual fria, não havia nos
corações desejo algum de se falar do amor de Cristo, a muito já não se falava do
Espirito Santo e sua obra na vida da igreja, toda vida espiritual resumia-se a
religiosidade e aos rituais domingueiros, quando em 1898 um ministro metodista de
Kansas, no Texas chamado Charles Paham, funda um pequeno instituto bíblico com
40 alunos os quais ensinava de graça, apenas exigindo que vivessem pela fé. Paham
ensinava aos seus alunos a respeito da justificação pela fé, a santificação como uma
segunda obra da graça e a volta de Jesus Cristo, quando em janeiro de 1901 em um
dia como outro qualquer Paham começa a falar a respeito das evidencias do Espirito
Santo na vida dos crentes, quando de repente um jovem de 18 anos chamado Agnes
Ozmam, começa a balbuciar palavras indecifráveis, o espanto cai sobre todos, um
profundo sentimento de temor invade os corações, o jovem Agnes havia sido
batizado com Espirito Santo, e falava em outras línguas segundo o espirito santo o
concedia.

Nos anos que se seguiram, o ministério de Paham cresceu exponencialmente, em


apenas 7 anos mais de 25 mil pessoas se rendem aos pés de jesus Cristo. Dentre esse
numero se encontrava um negro descendente de escravo chamado Willian J.
Seymour, que apesar das leis sulistas que proibiam o ajuntamento de negros com
brancos e o ensino aos negros, ele tem aulas com Paham, como consequência disso
Willian J. Seymour se estabelece em 1906 em um velho galpão na Rua Azuza 312,
Los Angeles Califórnia, onde milhares de pessoas vinham de todos os lugares dos
EUA e eram levadas a plenitude do Espirito Santo. Batismo, cura, libertação era algo
comum naquele lugar, uma das características marcantes desse movimento era o
destacado espirito pelo evangelismo e o crescente desejo de evangelizar outras
nações, desde então milhões e milhões de pessoas tem sido afetadas pela obra
maravilhosa do Espirito Santo, e com isso um despertamento missionária se iniciou.

5.f Daniel Berg

Em 1909 um jovem de 25 anos chamado Daniel Berg retorna dos EUA, onde havia
passado 7 anos, para sua casa na Suécia, ao chegar em sua terra natal procura seu
19
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

amigo de infância, descobre que o mesmo é pregador do evangelho e que ensina a


respeito do batismo com o Espirito Santo,

“ Fiquei muito interessado em conhecer a doutrina do Espirito Santo. li a Bíblia com


muita atenção sobre esse assunto, e resolvi visitar o meu amigo de infância.”
memorias de Daniel Berg, CPAD, pg 29.

Daniel chega pequena igreja em que seu amigo pregava, por algumas horas durante
o culto e depois por um longo tempo Daniel ouve a respeito do Batismo com o
Espirito Santo.

“ A partir daquele momento em que conversei com o meu amigo, desejei receber o
batismo com o Espirito Santo, e passei a orar para que Deus me batizasse. E o Senhor
assim fez.” memorias de Daniel Berg, CPAD, pg 29.

De retorno aos EUA, dentro de um barco, já próximo à costa americana, em sua


busca constante pelo Batismo com o Espirito Santo, Daniel Berg é tomado pela
plenitude do Espirito Santo. Referindo-se a essa experiência ele afirma em seu diário:

“ As bênçãos divinas vieram sobre mim, e tudo se modificou. O mundo pareceu-me


diferente, ... parecia que o vento havia levado para longe todos os meu problemas.
Meu caminho agora estava claro, eu não tinha duvidas. Estava resolvido, a partir
daquele momento, a dedicar totalmente minha vida ao Senhor, e a contar aos que
desejassem ouvir o que recebera de Deus, e que a salvação é para todos aqueles que
crêem.” memorias de Daniel Berg, CPAD, pg 33.

5.g Gunnar Vingrem

Em 1909 um Jovem sueco por nome Gunnar Vingren havia se formado no curso
Teológico Batista de Chicago, EUA, estava designado juntamente com sua noiva a ser
missionários em Assam na Índia. Um profundo desejo pela presença de Deus o fez
romper com sua convenção e desfazer com todos os planos que ate ali havia
estabelecido.

“ No verão de 1909, Deus me encheu de uma grande sede de receber o batismo com
o Espirito Santo e com fogo.” . Diario do Pioneiro, CPAD, pg 25
20
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

Finalmente depois de cinco dias de intensa busca, em uma conferencia, Gunnar


Vingren é tomado pelo Espirito Santo e é batizado.

“ Depois que voltei para a minha igreja em Menomiee, Michigan, comecei a pregar a
verdade que jesus batiza com o Espirito Santo e com fogo. Diario do Pioneiro, CPAD,
pg 25

Não muitos dias depois desses acontecimentos, o irmão Adolfo Uldin é tomado pelo
Espirito Santo e revela a Danile Berg e a Gunnar Vingren seu chamado missionário,
ambos deveriam deixar os EUA para uma terra desconhecida chama Pará.

5.h Celina de Albuquerque

Em uma quinta feira, a uma da manha do dia dois de junho de 1911, na Rua Siqueira
Mendes, 67, na Cidade de Belém, a irmã Celina de Alburquerque, estava orando. Ela
havia escutado de dois missionários suecos que recém havia chegado do EUA a
respeito do Batismo com o Espirito santo, agora a sua oração é Batiza-me senhor,
Batiza-me. Celina está nessa oração incessante quando de repente é tomada pelo
Espirito Santo, ainda que tentasse dizer algo compreensível não conseguia, seu ser
estava completamente tomado por uma alegria profunda, ela havia sido batizada
com o Espirito Santo.

5.i Maria de Jesus Nazaré Araújo

No mesmo dia em que a irmã Celina de Albuquerque foi falcaçada pelo fogo
pentecostal, a irmã Maria Nazaré, também é alcançada pela a promessa do Pai, e
como já foi dito anteriormente, uma das características marcantes do
Pentecostalismo é o destacado espirito pelo evangelismo e o crescente desejo
missionário. Em Junho de 1914 a irmã Maria embarca sozinha em um navio rumo a
Fortaleza, em seu coração levava a chama acessa do Espirito de Deus, após três dias
em um lombo de jumento, finalmente chega a sua cidade natal, Itapagé, onde depois
de falar do poder do Batismo com o Espirito Santo tem sua Bíblia arrebatada de sua
mão e lançada ao chão. mas ele não estava só, o Espirito Santo sussurra suavemente
em seu ouvido “ Vá para o sitio Santana” Nessa localidade a mensagem pentecostal é
acolhida nos corações e o fogo se espalha pelo Estado do Ceará.
21
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

“Os avivamentos nascem como resultado de oração, e aqueles que vivem nos
avivamentos alimentam-se da oração. Os jovens missionários tinham o coração
avivado pelo Espirito Santo, e oravam de dia e de noite. Oravam sem cessar. Esse fato
chamou a atenção de alguns membros da igreja, que passaram a censura-los,
considerando-os fanáticos por dedicarem tanto tempo a oração. Mas isso não os
abalou. Com desenvoltura e eloquência, continuaram a pregar a salvação em Cristo
jesus e o batismo com o espirito santo, sempre alicerçados nas escrituras. ( Historias
das Assembleias de Deus no Brasil, Emilio Conde, CPAD. pg 34)”

6. Seis Atitudes para Ser Cheio do Espirito Santo.

Vivemos em um tempo da relatividade. Em que Tudo está sendo relativizado, inclusive as


verdades bíblicas, somos desde criança ensinados a questionar a tudo e a todos, a
duvidar de tudo e de todos. Dessa forma, quando nos voltamos para as promessas
bíblicas, fazemos com essa mesma postura, cheio de duvidas e questionamentos, e dessa
forma produzindo obstáculos que nos impede de alcançar essas mesmas. O maior
obstáculo para o Batismo com o Espirito Santo é a incerteza, as duvidas que permeiem a
alma. A plenitude do Espirito em nós requer uma entrega total, sem questionamentos.

Pastor já fiz tudo que pude e mesmo assim não fui batizado no Espirito Santo, eu
acho que pequei contra o Espirito Santo e por isso devo já está condenado ao
inferno, por isso o Espirito Santo não me enche.

Quero dizer, que ninguém que se preocupa em ter pecado contra o Espirito Santo, de
fato pecou, porque é ele quem nos dá a consciência de pecado. Quem peca contra o
Espirito Santo não tem temor, nem desejo em arrepender-se, por essa razão está
perdido, porque todo pecado em que há arrependimento há perdão, mas pecado
não arrependido não há perdão, quando se peca contra o Espirito Santo se perde a
capacidade de arrepender-se.

Uma forma de pecar contra o Espirito Santo é não dando ouvido a sua voz, então aos
poucos o coração vai endurecendo até o ponto que Ele não fala mais com a pessoa.

A outra forma é atribuindo a obra do Espirito Santo ao Diabo. Por isso se deve tomar
muito cuidado para não fazer julgamentos precipitados quanto as coisas espirituais.
22
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

Então, na verdade, Deus só batiza quando ele quer, e por isso ainda não fui
batizado, porque ele não quer que eu seja batizado.

Esse é outro pensamento completamente errado. Se Deus não quisesse que você
fosse batizado Ele não teria prometido derramar do seu Espírito sobre toda carne, é
claro que esse toda carne está restrito a todos os que crerem no seu filho Jesus e
que, por seu poder, tornaram-se seus filhos através do novo nascimento. O batismo
está disponível para todos que são filhos de Deus, que desejarem receber e que
pedirem.

Então Deus ainda não me batizou porque não sou perfeito, não sou santo, não sou
totalmente puro, porque aqui e acolá ainda cometo alguns deslizes.

Também é um pensamento errado, Deus não te batiza porque você é perfeito, ou


merecedor. Seu Espirito também se chama Espirito de Santificação é ele quem
produz a santificação em nossa vida, e uma forma de potencializar esse processo é
através do batismo no Espirito Santo. O crente batizado no Espirito Santo vive uma
vida cristã mais intensa e mais real.

Tu subiste ao alto, levaste cativo o cativeiro, recebeste dons para os homens, e até
para os rebeldes, para que o Senhor Deus habitasse entre eles. Salmos 68:18

Não estou dizendo com isso que Jesus irá te batizar estando em pecado não
arrependido, estou dizendo que ele não irá esperar que você seja perfeito para te
batizar.

Pastor, eu quase fui batizado, mas quando senti que ia ser cheio fiquei com medo.
Tive medo de ser coisa da minha cabeça, tive medo de está imitando outra pessoa.

Quando uma criança está aprendendo a falar, ela tende a imitar os sons que houve. o
batismo com o Espirito Santo é enchimento de poder, estando cheio de poder você
irá falar em línguas, e a principio pode parecer com a forma que outra pessoa fala,
mas a medida que você pratica o falar línguas, você vai adotando um estilo próprio,
portanto não se preocupe se você vai falar em línguas parecido com de outra pessoa.
Agora, não se pode falar de boca fechada, quem está orando por batismo precisa
fazê-lo em voz alta, glorificando a Deus, e quando as palavras vierem a sua mente,
comece a falar, mesmo que as palavras não faça nenhum sentido.
23
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

Porque o que fala em língua desconhecida não fala aos homens, senão a Deus;
porque ninguém o entende, e em espírito fala mistérios. 1 Coríntios 14:2

6.a Será que sou batizado no Espirito Santo?

A experiência do batismo no Espirito Santo é uma experiência distinta do novo


nascimento. Quando nos convertemos o Espirito Santo produz em nós o novo
nascimento, é o momento em que ele faz morada em nossa vida, a experiência do novo
nascimento se torna perceptível no tempo, mas a experiência do batismo com o espirito
Santo é uma experiência drástica, vívida, real, perceptível. Quando somos batizados com
o Espirito Santo, sabemos disso, e não é necessário ninguém para nos informar. Porque
você logo irá sentir. Quando alguém é batizado no Espirito Santo, Deus toca nele e ele
sabe para o resto da vida que Deus o tocou e que Jesus vive.

Essa segunda experiência não pode de modo algum representar para nós uma segunda
vinda do Espirito Santo, na verdade é o cumprimento da ampla promessa que inclui tanto
a habitação interior quando seu derramar ou concessão de poder para o povo de Deus.

O batismo com o Espirito Santo é a experiência em que o crente é dominado e


maravilhado pelo Espirito santo que aumenta e intensifica a sua obra já existente na vida
do crente.

Será que sou batizado? A experiência te dirá. Se você tem duvida, provavelmente ainda
não viveu essa promessa.

1ª atitude para ser cheio do Espirito Santo:


Saia de cima do muro da duvida, e busque com fervor a benção do batismo.

6.b Como posso entender a benção do batismo?

É difícil definir com palavras aquilo que é profundo e ilimitado.

Mas podemos dizer que a Benção do Batismo no Espirito Santo tem dois lados. O seu
lado e o lado de Deus.
24
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

Uma casa foi vendida com a promessa de que logo seria desocupada para que os
compradores pudessem tomar posse dela, mas por varias vezes e por diversos motivos o
direito de posse prometido não aconteceu. Frustrados os novos donos aguardavam
ansiosamente por vários meses até que finalmente a casa foi desocupada e o verdadeiro
dono recebeu o direito de posse que há tanto tempo esperava.

O lado de Deus é que Ele toma a plena posse do que é dele.

Paulo afirma que nós somos o templo do Espirito, morada de Deus, e que fomos
comprados por bom preço que é o sangue precioso de Cristo, mas quantas vezes e em
quantos casos o Senhor ainda deseja e espera tomar posse total, mesmo se já lhe demos
um ou dois cômodos de nossa vida.

Os antigos donos, que somos nós mesmos, estamos relutantes em render-se totalmente.

Quando Deus batiza você com o Espirito santo, todas as chaves são entregues e todas as
portas são abertas, o Senhor da gloria toma posse total daquilo por que ele morreu para
tornar seu. Deus apossa-se do que é seu, e seu propósito de agora em diante é nada
menos que uma vida cheia da sua presença, perfumada com sua beleza, rica do seu
poder.

O lado de Deus é quando o crente está cheio do Espirito Santo e ele afinal chega a tomar
conta inteiramente do crente.

Se nós ficamos alegres ao ver o Senhor batizando com o Espirito santo, podemos ter
certeza que Deus fica muito mais.

E quanto ao nosso lado da experiência?

Para nós é como um vaso que foi imerso nas aguas e depois emergiu, reluzindo e
transbordando. Um vaso lançado nas aguas, e que fica totalmente encoberto e ao mesmo
tempo cheio da plenitude que o rodeia, é a melhor descrição da plenitude do Espirito na
vida do crente.

Para nós ela marca o começo de uma esfera inteiramente nova, uma subida para um nível
mais alto através da graça do todo poderosos, o inicio de um novo capitulo em nossa
história, uma nova forma de viver a experiência cristã.

2ª Atitude para ser cheio do Espirito Santo:


25
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

Entrega o que é de Deus. Tua vida foi comprada e paga um alto preço pro ela, Deus não
comprou fiado, nem parcelado, Ele não alugou apenas alguns cômodos da tua vida, ele
a comprou inteiramente e inteiramente você deve entregar.

6.c Atitude para se Cheio do Espirito Santo

Cumprir a exigência de At. 2.38

E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus


Cristo, para perdão dos pecados; e recebereis o dom do Espírito Santo; At 2:38

Tem pessoas que vive uma vida de derrota por causa de pecados não arrependidos,
pecado oculto.

Nos conta a historia de Acã, que pecou contra Deus tomando do despojo da cidade de
Jericó, ele achava que ia ficar por isso, mas o seu pecado ocultado levou toda o povo de
Israel a ser derrotado por um povo menor que eles. Só depois do seu arrependimento e
confissão e feito as devidas correções o povo pode continuar vencendo.

E respondeu Acã a Josué, e disse: Verdadeiramente pequei contra o Senhor Deus de Israel, e
fiz assim e assim. Quando vi entre os despojos uma boa capa babilônica, e duzentos siclos de
prata, e uma cunha de ouro, do peso de cinqüenta siclos, cobicei-os e tomei-os; e eis que
estão escondidos na terra, no meio da minha tenda, e a prata por baixo dela. Josué 7:20,21

3ª Atitude para Ser cheio do Espirito Santo:


Arrependimento: verdadeiro e sincero, e uma voluntariedade, uma determinação para
relacionar-se com Deus, corrigir-se, provar sinceridade na busca de Deus, através de
frutos verdadeiros de uma vida transformada.

6.d Atitude para ser cheio do Espirito Santo:

Obediência:
26
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

O Senhor pode muitas vezes provar nossa voluntariedade na obediência, testando-nos


apenas em um pequenino ponto, um simples detalhe da vida, mas que revele
infalivelmente o proposito do coração.

Um irmão estava buscando o batismo, e toda vez que ele se ajoelhava para orar, o
Senhor trazia-lhe a mente um roxinol que estava preso em uma gaiola pendurada na
janela da cozinha; Alguém havia capturado o pequeno pássaro e dado de presente, mas
Deus testou o principio perfeito da obediência desse irmão, observando se ele soltaria o
pássaro. Foi uma luta. finalmente numa tarde de sábado quando o irmão voltava das
compras para casa, o roxinol foi solto, e pouco depois seu dono também o foi, e foi cheio
do Espirito Santo de maneira gloriosa. Será que você não tem algum rouxinol que precisa
ser solto?

4ª Atitude para ser cheio do Espirito Santo:


Ouvir e obedecer à voz do Espírito Santo. Solta o teu rouxinol.

6.e Atitude para ser cheio do Espirito Santo.

Fé nas promessas No que está escrito: em At, 2.39

Porque a promessa vos diz respeito a vós, a vossos filhos, e a todos os que estão longe,
a tantos quantos Deus nosso Senhor chamar. Atos 2:39

e Lc 11.13. Pois se vós, sendo maus, sabeis dar boas dádivas aos vossos filhos, quanto
mais dará o Pai celestial o Espírito Santo àqueles que lho pedirem? Lucas 11:13

Você crê nessas promessas de todo o coração, e baseia-se nelas como algo certo de que
são para você?

Confie que o batismo com o Espirito Santo é a herança para todos os verdadeiros crentes.
Só quando se está firme nas promessas, tanto antes quanto depois de ser batizado com o
Espirito Santo, que o crente prevalece.

E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demônios; falarão
novas línguas; Marcos 16:17

Ora, sem fé é impossível agradar-lhe; porque é necessário que aquele que se aproxima
de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam. Hebreus 11:6
27
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

5ª Atitude para ser cheio do Espirito Santo:


Creia nas promessas, porque quem prometeu é fiel para cumprir.

6.d Atitude para ser cheio do Espirito Santo.

Orar sem cessar.

Jesus garante que o que for pedido com fé em oração será atendido.

E, tudo o que pedirdes em oração, crendo, o recebereis. Mateus 21:22

E o padrão de oração que Deus exige é da oração incessante.

Orando em todo o tempo com toda a oração e súplica no Espírito, e vigiando nisto com
toda a perseverança e súplica por todos os santos, Efésios 6:18

Porque a perseverança na oração é uma demonstração de fé

E contou-lhes também uma parábola sobre o dever de orar sempre, e nunca desfalecer,
Lucas 18:1

Jesus conta a história de uma viúva que diante de sua condição desfavorável diante de
um Juiz injusto não sessou de buscar justiça para a sua causa, Jesus usou essa
perseverança para exemplificar como devemos orar. porque a oração perseverante é
uma demonstração de fé.

Jesus termina dizendo.


E Deus não fará justiça aos seus escolhidos, que clamam a ele de dia e de noite, ainda que
tardio para com eles? Digo-vos que depressa lhes fará justiça. Quando porém vier o Filho
do homem, porventura achará fé na terra? Lucas 18:7,8
Se Jesus não respondeu ainda é porque ele está provando a tua fé. O seu real e sincero
desejo de ser cheio do seu Espirito.
28
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

Mateus 28:17; 1 Coríntios 15:6 Diz que jesus apareceu depois de sua ressurreição a 500.

Todos estes perseveravam unanimemente em oração e súplicas, com as mulheres, e


Maria mãe de Jesus, e com seus irmãos. E naqueles dias, levantando-se Pedro no meio dos
discípulos (ora a multidão junta era de quase cento e vinte pessoas) disse: Atos 1:14,15

6ª Atitude para ser cheio do Espirito Santo:


Ore sem cessar, porque a porta se abre para quem bate, a mão se estende para quem
pede, a benção se apresenta para quem busca.

Abandone a duvida.
Entrega completamente tua vida a Deus.
Arrependa-se de todos os pecados.
Ouça e obedeça a voz do Espirito santo.
Creia nas promessas descrita na palavra de Deus
e ore sem cessar.

Um verdadeiro batismo com o Espirito Santo, segundo a Bíblia significa um ato definido
do Senhor Jesus ressurreto e glorificado. Não podemos nos batizar, nem podemos fazer
mais do que conduzir uns aos outros ao lugar da benção; nesse lugar podemos nos
imergir no Espirito Santo. Minha posição pela fé é correta e adequada, crer nas
promessas é sempre o pedágio de Deus na estrada que conduz a benção; O batismo com
o Espirito Santo é uma experiência viva, definida e real, e não se sinta satisfeito até que
esteja satisfeito.

Enquanto você estiver esperando pela promessa do Pai, mantenha-se numa atitude de fé
continua e expectante: creia sempre que Deus vai responder aos seus anseios agora.
Louve o Senhor, sempre com sinceridade; nunca repita por repetir qualquer formula de
louvor mecanicamente, porque o louvor traz a vitória, estimula a fé, afugenta o diabo, e
conduz a alma a presença real de Deus. Deixe cada porta de todo o seu ser aberta
completamente, toda sua alma ocupada por Jesus, e certamente, o Rei da gloria logo
achará uma entrada plena.
29
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

7. Quatro motivos que leva o fogo do Espirito Santo a extinguir-se.

Não extingais o Espírito. 1 Tessalonicenses 5:19

É interessante a palavra escolhida por Paulo. Ele fala da extinção do Espirito Santo
como a extinção de um fogo, usando uma palavra que nos leva a esse sentido
Sbennyte: Apagar, extinguir.

O fogo não se apaga repentinamente, precisa de esforço e tempo para conseguir,


então podemos entender que a ação do Espirito Santo na nossa vida não cessa
repentinamente, mas aos poucos diante de nossas atitudes.

O que nos leva a pagar o fogo do Espirito Santo em nossas vidas?

7.a 1º Cessar de arrepender-se.

Sempre haverá algo para se arrepender.

“Quando Jesus disse arrependa-se, quis dizer que a vida inteira do crente sobre a terra deve
ser um constante e perpetuo arrependimento. O verdadeiro arrependimento só dura
enquanto o individuo está desgostoso consigo mesmo. O desejo pela auto justificação é a
causa de muitas dores no coração. Sempre há muita necessidade de preparar o coração, em
humildade e afastado das demais coisas antes que Deus possa vir de forma concreta. A
profundidade do avivamento será determinada exatamente pelo espírito de arrependimento
que este consiga. Na verdade, essa é a chave de todo verdadeira avivamento nascido de
Deus. Frank Bartleman, Azusa Strret, el avivamento que cambió el mundo, pg 40”

7.b 2ºDeixar de compartilhar as boas novas.

Jesus havia ordenado aos seus discípulos que não se ausentassem de Jerusalém até
receberem o revestimento do Espirito, e depois que isso acontecesse eles seriam suas
testemunhas em todo o lugar. Então podemos ver que a plenitude e a evangelização
estão intimamente relacionadas e é uma de suas principais características na vida do
crente, o despertar do desejo evangelístico. Quanto mais você testifica das maravilhas do
Senhor, mais esse fogo arde no coração, à medida que tomamos uma atitude egoísta,
querendo que isso fique só para nós, o fogo diminui até a extinção completa. Isso não é o
abandono do Espirito Santo, mas é o fim do fervor do Espirito Santo em nossas vidas.
30
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

No relato de Atos 6.8 em diante Estevão prega a palavra com a sabedoria que vinha do
Espirito Santo cheio de fé e de poder fazendo prodígios e grandes sinais entre o povo.

Em Atos 8.4 em diante Os que andavam dispersos iam por toda parte anunciando a
palavra.

Entre eles estava Felipe, que ganhou para Cristo o ministro das finanças da Etiópia, e toda
a cidade de Samaria.

A igreja do relato de Atos era crescente porque as pessoas compartilhavam o fervor do


Espirito Santo, e por essa razão o fervor era crescente.

Em At. 4 em diante. Eles queriam evangelizar, mas diante das ameaças que queriam
impedir, eles oraram a Deus. e Deus confirmou dos altos céus movendo o lugar e
enchendo todos com o Espirito Santo.

At.4.31 E, tendo eles orado, moveu-se o lugar em que estavam reunidos; e todos
foram cheios do Espírito Santo e anunciavam com ousadia a palavra de Deus.

7.c 3ºUma vida de oração medíocre.

Orai sem cessar. 1 Tessalonicenses 5:17

Nenhum relacionamento pode se sustentar sem comunicação. O relacionamento


marital entre esposo e esposa a comunicação se dá por palavras, gestos e intenções,
física e mental. O Esposo conhece a esposa, e sabe quando está alegre, triste, ou
irritada. A relação de Jesus com a igreja é comparada ao relacionamento marital.
Qualquer casamento em que a comunicação tenha se perdido, esse casamento está
fadado ao fracasso.

Deus é a origem, a fonte de poder, para uma vida poderosa constante é necessário
estar de continuo em contato com a fonte.

7.d 4º Deixar de praticar o dom

Não desprezeis as profecias. 1 Tessalonicenses 5:20


31
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

Esse desprezo pelas profecias e outros dons, pode ser entendido de duas
formas.

7.d.1 Como aquele que não valoriza as profecias recebidas.

Será comentado nas próximas impressões...

7.d.2 Como aquele que deixa de usar o dom de profecia e outros dons.

Não desprezes o dom que há em ti, o qual te foi dado por profecia, com a imposição
das mãos do presbitério. 1 Timóteo 4:14

Por cujo motivo te lembro que despertes o dom de Deus que existe em ti pela
imposição das minhas mãos. 2 Timóteo 1:6

E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, com o qual fostes selados para o dia da
redenção Efésios 4:30

Razões porque o desprezo pode acontecer:

A versão NTLH 1Ts 5.19 diz:


Não atrapalhem o Espirito Santo. Não desprezem as profecias. Examinem tudo,
fiquem com o que é bom e evitem todo tipo de mal.
E depois comenta o seguinte: A igreja atrapalha o Espirito Santo quando os cristãos
não deixam que o poder do Espirito Santo e os milagres aconteçam. Isso pode
acontecer por causa da sua descrença ou porque eles têm visto alguns excessos e
abusos de dons espirituais. O apostolo Paulo disse aos tessalonicenses que a atitude
deles era um erro grave. O poder do Espirito Santo e os dons espirituais, como a
profecia, são ferramentas fundamentais para a igreja; eles devem ser usados com
sabedoria e sensibilidade. Sem o poder do Espirito Santo, nem a igreja, nem um
cristão individualmente podem realizar sua missão.

A experiência confirma.
A igreja batista e a igreja metodista encabeçaram o movimento avivalista do final do
século 19 através de um movimento chamado Santidade, ou de vida elevada, esse
32
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

movimento desencadeou o avivamento que culminou com os ensinamentos do pr


Willian Saymour e o mundialmente conhecido avivamento da rua Azuza. Quando o
avivamento da rua Azuza chegou, os batista e metodistas já haviam abandonado o
movimento e excluídos os membros que o seguiam. A razão porque fizeram isso foi
devidos os excessos que se multiplicavam.

Por tanto não devemos nos atrapalhar com os abusos que ocorrem no meio pentecostal,
o conselho de Paulo é válido para os nossos dias:

Examinai tudo. Retende o bem. 1 Tessalonicenses 5:21

Bibliografia:

Bartleman, Frank, Azuza Street, El avivamiento que cambió el mundo, Ed. Peniel, 2ª
ed, Buenos Aires, AR, 2006;

Berg, Daniel, Enviado por Deus – Memorias de Daniel Berg, 3ª impressão, CPAD, Rio
de Janeiro, Rj, 2017;

Conde, Emilio, Historias das Assembleias de Deus, 3ª impressão, CPAD, Rio de Janeiro,
Rj, 2017;

Beacon, Comentários Biblicos, CPAD, 2016;

Bíblia de Estudo Pentecostal, CPAD, 1995;

Bíblia de Estudo Palavra Chave, CPAD, Rio de janeiro, Rj, 2011;

Bíblia Sagrada Nova Versão Internacional, Ed. Geográfica, Santo André, Sp, 2017;

Bíblia de Jerusalém, Nova edição revista e ampliada, Ed. Paulus, 11ª Edição, São
Paulo,Sp, 2016;

Bruner, Frederick Dale, Teologia do Espirito Santo, Ed. Vida Nova, São Paulo, Sp, 2ª
Edição em Português: 1986.
MOVIMENTO PENTECOSTAL - As doutrinas de nossa fé, Lições Bíblicas - Jovens e
Adultos 2º Trimestre de 2011 - CPAD – Rio de janeiro, 2011;
33
A Plenitude do Espírito Santo – A necessidade de Ser Cheio do Espírito.

Champlin, R.N, O novo Testamento Interpretado versículo por versículo, Ed, Hagnos,
São Paulo 2014;

Dicionário Vine, O significado Exegético das Palavras do Antigo e do Novo


Testamento, CPAD, Rio de janeiro, Rj, 2004;

Gee, Donald, Pentecoste/Donald Gee; tradução de : Rosi Coelho de Araújo – Rio de


janeiro: CPAD, 1987

Horton, Stanley M, O que a Bíblia Diz sobre o Espírito Santo, 4ª edição, CPAD, Rio de
Janeiro, Rj , 1995;

Palma, Anthony D.,O Batismo no Espirito Santo e com fogo, 5ª impressão, CPAD, Rio
de Janeiro, Rj, 2011

Stott, John, Ouça o Espírito, ouça o mundo / John Stott; [tradução Silêda Silva
Steuernagel]. - 2. ed. - São Paulo : ABU Editora, 2005;

Stott, John R. W, BATISMO E PLENITUDE DO ESPÍRITO SANTO, EDIÇÕES VIDA


NOVA, São Paulo, SP – Brasil, Reimpressão: agosto de 1988;

Vigren, Ivar, Diario do Pioneiro, 3ª impressão, CPAD, Rio de Janeiro, Rj, 2017;