You are on page 1of 4

COMPANHIA DE SANEAMENTO BÁSICO DO ESTADO

DE SÃO PAULO

SABESP

UNIDADE DE NEGÓCIO DO BAIXO TIETÊ


E GRANDE - RT

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DE MOTOR ELÉTRICO TRIFÁSICO DE


INDUÇÃO

RTO 01/
01/19
OBJETO DO FORNECIMENTO: Motor elétrico trifásico de indução, de
alto rendimento, tipo gaiola, 100 cv, 1750 rpm, 220/380/440 V

DISPOSIÇÕES TÉCNICAS GERAIS

1 – INTRODUÇÃO
A presente especificação refere-se ao fornecimento de um motor elétrico
trifásico de 100 cv, de alto rendimento, para acoplamento a uma bomba
centrífuga de eixo horizontal para recalque de água.

A descrição dos componentes e a concepção elétrica do equipamento, a seguir


enunciada, define as condições mínimas para o atendimento das
especificações.

Quaisquer alterações na concepção, julgadas convenientes pelo fornecedor,


deverão ser explicitamente acusadas na proposta técnica e justificadas suas
vantagens em confronto com as especificações exigidas, estando a aceitação
sujeita à análise da SABESP.

Nesta especificação, quando houver material indicado para determinado


componente, deverá ser entendido como preferencial e de padrão mínimo de
qualidade aceitável pela SABESP, sendo obrigatório ao fabricante indicar
materiais equivalentes ou superiores aos aqui listados.

2 – MOTOR ELÉTRICO
2.1 – NORMA

• Deverá ser projetado e construído de acordo com as seguintes normas :

NBR 7034, NBR 7094, NBR 6146, NBR 8441 E NBR 5432.

2.2 - CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS


• O motor deverá ser de marca credenciada e possuir atestado de garantia.
• Deverá ser assíncrono, trifásico e de indução tipo gaiola.
• Potência nominal : 100 cv
• Rotação : 1750 rpm
• Tensão de Trabalho : 220 V
• Enrolamento : 220/380/440 V
• Frequência : 60 Hz
• Rendimento e fator de potência a serem garantidos:

- a 100 % da carga, o rendimento não poderá ser inferior a 95 %.

- a 100 % da carga, o fator de potência não poderá ser inferior a 82 % .

• Os motores deverão ser providos de terminal para aterramento das carcaças.


1
• Grau de proteção : IP - 55, no mínimo;
• Mancais : tipo de rolamento, dimensionados para uma vida útil mínima de
20.000 horas .
• O fator de serviço deverá ser mínimo 1,20 .
• Regime de serviço: S1
• Relação Ip/In < 9,5
• Categoria : N
• A isolação deverá ser classe B ou F, em material não higroscópico, claramente
caracterizado por normas quanto à sua classe .
• A forma construtiva deverá ser B 3D;
• Dispositivo de partida : sof-starter;
• Condições de partida : acionamento da bomba em carga, com o registro aberto e
contra válvula de retenção .
• Como na partida será usado dispositivo limitador de corrente (soft-starter), o
fabricante deverá garantir a aceleração da carga até praticamente a rotação
nominal, considerando além da redução de tensão inerente ao dispositivo
selecionado, uma queda de tensão de 15 % devido ao sistema de alimentação
elétrica. Para efeito dessa garantia, as reduções de tensão mencionadas,
deverão ser consideradas constantes ao longo de toda curva conjugado x
velocidade .
• Não deverão ser observados picos de corrente na comutação para plena tensão
superiores a 250% In.
• O tempo máximo permissível com rotor travado a quente, não deverá ser inferior
a 12 segundos.

2.3 - PLACA DE IDENTIFICAÇÃO


O motor deverá ser provido de uma plaqueta de identificação, contendo no
mínimo, as seguintes informações:
• Nome do fabricante, tipo do motor, nº e ano de fabricação, nº da carcaça,
modelo, nº de fases, potência e tensão nominal, enrolamento, frequência,
rotação nominal, corrente nominal, rendimento, fator de potência e de serviço,
elevação de temperatura, classe de isolação, conjugado de partida, conjugado
máximo, corrente do rotor bloqueado, rolamento dianteiro ( lado acionamento ) -
nº e marca, rolamento traseiro - nº e marca, diagramas de ligação.

3 – TRANSPORTE
Deverá fazer parte do fornecimento o transporte do equipamento até o
Almoxarifado da SABESP, em local indicado na planilha de orçamento.

4 – EMBALAGEM
O equipamento deverá ser embalado em engradado de madeira, protegido
contra impacto.

5 – TERMO DE GARANTIA
Juntamente com a proposta, o fornecedor deverá apresentar o termo de
garantia para o equipamento ofertado, abrangendo um período mínimo de 12
(doze) meses, a partir da data de início de operação, ou de 18 (dezoito) meses a
partir da data de entrega.

2
6 - INFORMAÇÕES TÉCNICAS A SEREM FORNECIDAS
O fornecedor deverá apresentar na proposta técnica, uma folha de dados
contendo todas as informações técnicas necessárias à análise técnica.

7. PRAZO DE ENTREGA
O prazo de entrega é de no máximo 10 dias da data de assinatura do pedido de
compra.

8. CONDIÇÕES ESPECÍFICAS DE FORNECIMENTO


LOCAL DE ENTREGA: Almoxarifado Supridor de Lins
Avenida José Ariano Rodrigues, 936 - Lins-SP
CEP: 16.400-000
Fone: (014) 3522-2055 / 3533-5622

FATURAR: Cia. Saneamento Basico do Estado São Paulo – SABESP


Rua Tenente Florêncio Pupo Netto, 300 – Blocos 3 e 4
Jardim Americano - Lins-SP – CEP: 16.400-680
CNPJ: 43.776.517/0649-00
I.E: ISENTO

OBSERVAÇÃO:
- Preço fixo e irreajustável;
- Frete incluso no preço;
- Validade da proposta: mínimo de 60 dias;
- Identificar a garantia dos produtos ofertados;
- Pagamento: 30 dias da data de entrega dos materiais e/ou equipamentos.

Os pagamentos somente serão efetuados com crédito em Conta-Corrente


bancária no Banco do Brasil
Informar nº. da C/C e Agência na N.F.