You are on page 1of 3

EXERCÍCIOS DE SEGMENTAÇÃO

1 – Marcos é diretor de uma agência de turismo. Apesar de atuar há


muito tempo no mercado, ele não acredita que técnicas de
Segmentação de Mercado possam auxilia-lo em seu trabalho. Como
profissional de MKT desta agência mostre à Marcos que a
Segmentação de Mercado é importante para o turismo, citando
razões e benefícios para aplica-la, e explicando seu procedimento.

2 - Um pequeno hotel inaugurado no verão de 2005, situado em uma região


litorânea do Sudeste brasileiro, possuindo 50 apartamentos, teve um grande
número de hóspedes em seu primeiro ano de funcionamento, chegando a uma
média de 89% de ocupação hoteleira. Para a inauguração, os proprietários
realizaram um grande investimento em marketing e publicidade, com di-
vulgação do empreendimento de lazer em jornais das principais cidades
emissivas. Como o hotel gostaria de conhecer um pouco mais seus hóspedes,
solicitou que estes preenchessem um questionário, sempre ao fazer o check-
out. Ao fim do primeiro ano de funcionamento, os proprietários realizaram uma
avaliação por meio de metodologias estatísticas de agrupamento por tipo de
estação, e obtiveram o seguinte resultado:
Tipo de estação:
Alta temporada: representada pelos meses de dezembro, janeiro, fevereiro e
março.
Média temporada: julho, setembro, outubro e novembro.
Baixa temporada: abril, maio, junho e agosto.
Colocar as tabelas
Com base nessas informações, os proprietários perceberam que em cada
período eles recebiam um público específico de hóspedes, e que para atender
as necessidades de cada grupo, deveriam propor atividades de lazer e
entretenimento dirigidas às preferências desses grupos.
Quais são os perfis/segmentos de públicos que o hotel recebe?
Quais bases de segmentação, variáveis e estratos foram utilizadas para
segmentar o público deste hotel?
3 – Considerando os casos abaixo, identifique o segmento de mercado, base,
variável e estrato de segmentação.

Exemplo:
Sua principal motivação é a crença e a fé. Em sua maioria são mulheres de
faixa etária normalmente entre 40 e 70 anos.
Segmento de Mercado - Turismo Religioso

Base de Segmentação – Múltiplos Fatores


Base de Segmentação Psicográfica
Variável – motivação
Estrato – Crença e Fé

Base de Segmentação Demográfica


Variável – sexo e idade
Estrato – Mulheres entre 40 e 70 anos

a)Trata-se de um novo segmento que apesar de estar em expansão, ainda


busca adeptos para sua realização. Os portadores de necessidades especiais
tem grande preocupação em relação a infra-estrutura e adaptações às suas
condições.

b) Guarulhos retomou em 2004 a ofensiva para tornar a cidade um centro de


referência para a realização de congressos, feiras, exposições entre outros. O
primeiro ponto da ofensiva é a distribuição de panfletos, revistas e boletins
eletrônicos em escala nacional. O segundo é a divulgação do ambicioso projeto
de construção de um megapavilhão de eventos em frente ao Aeroporto
Internacional de Cumbica.

c) A cidade de Porto Seguro é um atrativo para um segmento de mercado


jovem, constituído pelos formandos de colégios. Esse público é atraído pela
beleza natural e principalmente pelo clima de festa. Não tem grandes
expectativas em relação a infra-estrutura e serviços e também não são
conscientes em relação aos custos.

d) A cidade de Campos do Jordão há muito se tornou um destino da moda no


inverno. Suas baixas temperaturas atraem turistas de alto poder executivo,
interessados em curtir o frio com toda pompa e circunstância. Em sua maioria
são constituídos por casais sem filhos ou famílias, que devido ao poder
executivo tem altas expectativas em relação a infra-estrutura e serviços, ou
seja, buscam pela luxuosidade.

e) Este segmento é composto pelo público de 7 a 13 anos. Tem preferência em


visitar parques temáticos. Dependem da renda dos pais, e em sua maioria
viajam em excursões.

f) Pessoas que viajam sozinhas (solteiros, viúvos ou divorciados). É composto


em sua maioria por mulheres divorciadas que possuem uma estabilidade
profissional e razoável poder aquisitivo./

g) Viajam normalmente a Europa. Viajam a procura de status, normalmente


mais de uma vez ao ano. Possuem poder aquisitivo, e sempre procuram pelas
melhores condições de infra-estrutura e serviços. Não se preocupam com os
custos.