You are on page 1of 9

MANUAL DE IMPLANTAÇÃO

SISTEMA BANCO DE TALENTOS

GOVERNO FEDERAL
SOFTWARE PÚBLICO

software livre desenvolvido pela Câmara dos Deputados

Sistema de Administração de Recursos de Informação e Informática, da Administração Pública Federal - SIS

1 baseado nas experiências de instalação do Banco de Talentos no Ministério do Planejamento. MANUAL DE IMPLANTAÇÃO SISTEMA BANCO DE TALENTOS Instalação do Sistema Manual do Administrador Março de 2009 – V0. Manual elaborado pelo Ministério do Planejamento .

....................5 2 FUNCIONAMENTO GERAL DO SISTEMA................................6 3 REQUISITOS MÍNIMOS PARA A INSTALAÇÃO.....................................................................4 1........................................................................................................1 APRESENTAÇÃO DO SISTEMA..................7 5.......................................................2 Requisitos mínimos de software........6 3............1 Requisitos mínimos de hardware.........7 5.....................2 ARQUITETURA DO BANCO DE TALENTOS........................................2 ALIMENTAÇÃO DAS TABELAS................................3 INSTALAÇÃO DO BANCO DE TALENTOS..................6 2......... Índice Instalação do Sistema 1 INTRODUÇÃO................................................................4 1......1 CRIAÇÃO DO BANCO DE DADOS..............................................6 3....................................................................................1 FUNCIONAMENTO GERAL DO BANCO DE TALENTOS................................................6 4 AQUISIÇÃO DOS ARQUIVOS PARA INSTALAÇÃO..............7 5 INSTALAÇÃO DO SISTEMA.............................7 5........................................................................8 .............................

por meio da disponibilização de informações prestadas pelos próprios servidores. Essa ferramenta facilitará o acesso às informações referentes ao desenvolvimento dos servidores da Câmara. . criando novo mecanismo de valorização do servidor. além de otimizar os processos de lotação.1 APRESENTAÇÃO DO SISTEMA O Banco de Talentos foi desenvolvido no intuito de mapear os talentos da Câmara dos Deputados e identificar o potencial humano da Instituição. é necessária a colaboração de todos os servidores no cadastramento e na atualização dos seus dados funcionais. de modo a facilitar uma análise contínua da evolução funcional.1 INTRODUÇÃO 1. Entretanto. para que haja total aproveitamento do potencial deste programa. capacitação e movimentação de pessoal.

1.2 ARQUITETURA DO BANCO DE TALENTOS .

4. provê a consulta dos talentos cadastrados por meio de filtros configurados dinamicamente. . atividades de entretenimento e a opção por participar da Rede de Colaboradores da Câmara dos Deputados.x ou v5. Entre as opções de manutenção. seleção única.1. 3 REQUISITOS MÍNIMOS PARA A INSTALAÇÃO 3. Além disso.1 Requisitos mínimos de hardware •Computador Pentium/AMD 500MHz. •60MB disponível em disco rígido (para banco de dados e arquivos de instalação). checkbox. •512MB de memória RAM.1 ou superior.2 ou superior. radiobutton.2.x ou superior.0 etch. •Pacote para instalação do Banco de Talentos. •Banco de dados MySQL v4.1. Módulo Talentos Módulo que permite aos usuários cadastrar seu currículo.2 Requisitos mínimos de software •Windows XP Professional 2002 Service Pack 3 ou Debian GNU Linux versão 4. Módulo manutenção do BT O módulo de manutenção é composto por um conjunto de funcionalidades que permitem a criação e configuração de novas categorias de talento (e respectivos atributos) a serem preenchidos pelos usuários ao cadastrarem seus talentos. estão a possibilidade de vínculo entre os atributos existentes e a definição do tipo dos atributos entre uma gama de opções (texto. •Container Tomcat v4. •Máquina virtual Java v1. entre outras). seleção múltipla.0. habilidades/atitudes.2 FUNCIONAMENTO GERAL DO SISTEMA 2. 3.1 FUNCIONAMENTO GERAL DO BANCO DE TALENTOS O Banco de Talentos (BT) é composto atualmente por dois módulos: módulo Talentos e módulo Manutenção do BT.

P3. É recomendável que o script seja carregado para os testes de implantação. as tabelas SIGESPPessoal e SIGESPPessoalLotacao.Crie uma base de dados chamada 'bancotalentos'.1 CRIAÇÃO DO BANCO DE DADOS P1. Recomendamos. O modelo de dados encontra-se no arquivo 'BancoTalentos.sql' para criar as tabelas.gov. na Câmara dos Deputados. P2.Tabelas de controle de acesso e autenticação . P2.mysql. Uma alternativa à replicação é o mapeamento direto dos componentes de persistência para o sistema de RH ou para views criadas sobre ele.br/ na comunidade Banco de Talentos. •Tabelas com dados reais: oTipoHtml oAributoTalento oAtributoTalentoOpcao oCategoriaTalento oCategoriaAtributoTalento É permitido.Instale o MySQL1. para fins de 1 http://www.4 AQUISIÇÃO DOS ARQUIVOS PARA INSTALAÇÃO Os arquivos para instalação estão disponíveis no sítio http://www.xml'. às instituições que desejarem.softwarepublico. 5 INSTALAÇÃO DO SISTEMA 5.Tabelas do sistema .Execute o script 'BancoTalentosMySQL. são replicações das informações do sistema de RH e são apenas lidas pelo Banco de Talentos.O arquivo 'Carga. O script para o MySQL foi gerado na ferramenta DBDesiner 4. 5. Este script foi criado para uso no MySQL.png') representam a estrutura de controle de acesso às funcionalidades do Banco de Talentos conforme a solução adotada pela Câmara dos Deputados. P3.2 ALIMENTAÇÃO DAS TABELAS P1. Para outros SGBDs será necessária a adaptação do script para a respectiva DDL.sql' contém inserts com dados reais utilizados na Câmara dos Deputados e com dados fictícios para ilustrar a utilização do Banco de Talentos e auxiliar a sua compreensão.Dados dos servidores .As tabelas referentes à área de Controle de perfis (ver arquivo 'BancoTalentosER. a utilização destes dados em seu ambiente de produção.com/ .Na prática.

}.war').xml (localizado no pacote 'BancoTalentos. Consulte as opções no site do hibernate (http://hibernate. inicialmente. Este arquivo lista as conexões (tag conexao) e os respectivos arquivos de mapeamentos (tag modulo). e •na propriedade "hibernate.Na área de Controle do resultado de consultas encontram-se as tabelas destinadas à configuração de filtros de consulta que restringem a visibilidade das pesquisas a grupos específicos.username" substitua o texto 'usuario' por um usuário válido do banco de dados.org/ . insira a seguinte linha no arquivo '/etc/tomcat5/policy. •na propriedade "hibernate.d/03catalina.policy' grant codeBase "file:/var/lib/tomcat5/webapps/BancoTalentos/-" {permission java. P3. P2.As propriedades da conexão com o banco de dados devem ser alteradas no arquivo hibernate-config. 5.Tabelas de filtro de consulta . P2. P4.connection.apache.Instale o Apache Tomcat3.connection. que o controle de acesso fique.org).com/ 3 http://tomcat.gif'.xml (localizado no pacote 'BancoTalentos.password" substitua o texto 'senha' pela senha de conexão ao banco de dados.AllPermission.1. no arquivo BancoTalentosGestao-aplicacao. deve ser configurada para nao.connection.Configuração da conexão . Adequações na estrutura de segurança devem ser implementadas considerando o Modelo de Segurança ilustrado no arquivo 'Seguranca. Neste arquivo. Os elementos da tag conexao são os mesmos definidos pelo hibernate.Instale a Máquina Virtual Java2. A associação a um filtro pode também se dar de forma genérica através do grupo (tabela FiltroConsultaGrupo).url" substitua 'nomeServidor' pela 2 http://www. execute os seguintes passos (vide quadro a seguir): •na propriedade "hibernate.security.Caso esteja-se utilizando o sistema operacional Debian.war'). A exemplo dos dados contidos no script de carga. a propriedade filtrarConsultaPorGrupo.3 INSTALAÇÃO DO BANCO DE TALENTOS P1. Quando não utilizado o controle de acesso. desabilitado deixando abertas todas as funcionalidades.java.instalação e teste da aplicação. uma consulta realizada por um usuário associado ao filtro de consulta “Consulta Filial A” (tabelas FiltroConsulta e FiltroConsultaUsuario) só retornará os currículos que obedecerem aos critérios de pesquisa definidos e que sejam de funcionários pertencentes ao grupo “Filial A” (tabelas GrupoCriterioConsulta e Grupo).

connection.xml') para a pasta '\webapps' existente na estrutura de diretórios onde foi instalado o Tomcat. P6. Está finalizada a instalação.connection. Consulte as opções no site do log4j (http://logging. .relaxAutoCommit=true</property> P4. localização do servidor do banco de dados e substitua 'nomeBancoTalentos' pelo nome de nosso banco de dados 'bancotalentos'.apache.Inicie o Tomcat.xml' e 'hibernate-config. <property name="hibernate.war' (com as atualizações realizadas em 'BancoTalentosGestao-aplicacao.password">senha</property> <property name="hibernate.Configurações do log .url">jdbc:mysql://nomeServidor/nomeBancoTalentos ?autoReconnect=true&amp.war').properties' (localizado no pacote 'BancoTalentos.connection.org/log4j/docs/). P5.username">usuario</property> <property name="hibernate.Copie o arquivo 'BancoTalentos.As configurações do log podem ser alteradas no arquivo 'log4j.