You are on page 1of 21

DEFINIÇÕES DA

PSICOLOGIA
SOCIAL
“A psicologia social é o
estudo da influência dos
ambientes, principalmente o
social, sobre a conduta individual
e coletiva, ou da resposta da
conduta individual, em situações
coletivas, a toda a classe de
estímulos.” (Bernard, 1946:11)
“A psicologia social pode
ser definida como o estudo
científico das atividades do
indivíduo influenciado por
outros indivíduos.” (Klineberg,
1959:17)
“A psicologia social pode ser
definida como a ciência dos
acontecimentos do
comportamento interpessoal.”
(Krech, Crutchfield, Ballachey,
1969:9)
“A psicologia social
estuda a dependência e a
interdependência do
comportamento entre
indivíduos.” (Zajonc, 1969:2)
“A psicologia social é o
estudo de indivíduos em
seus ambientes sociais e
culturais.” (Lambert;
Lambert, 1975:9)
OBJETOS DA
PSICOLOGIA
SOCIAL
“O problema fundamental da
psicologia é a moralização do
indivíduo pela sociedade onde nasceu
como uma criatura em que as
tendências não-morais e puramente
egoístas são mais fortes do que as
tendências altruístas.” (Mc Dougall,
1908: 18)
“A psicologia social investiga as
uniformidades devido as causas sociais, isto
é, aos contatos ou interações mentais. Em
cada caso nós devemos perguntar: “Os
seres humanos se relacionam pelos seus
instintos comuns e temperamento, sua
situação geográfica, suas condições
semelhantes de vida, ou pela sua
interpsicologia, isto é, as influências são
devidas a outros fatores, tais como uma
fonte comum humana?” (Ross, 1908:3)
TEMAS DA
PSICOLOGIA
SOCIAL
“A psicologia social é o estudo da
dependência e interdependência do
comportamento entre os indivíduos. Seus níveis
de análise
1. O comportamento do indivíduo influenciado
por outro indivíduo – comportamento social.
2. A dependência mútua e recíproca dos
indivíduos – comportamento social.
3. As conseqüências do comportamento social e
interação: uniformidade social, estrutura de
grupo – desempenho de grupo.” ( Zajonc,
1969:8)
“Principais áreas da psicologia
social: Interpenetração da
psicologia geral e da social;
Socialização da criança, cultura e
personalidade; Diferenças
individuais e grupais; Atitudes e
opiniões; Interação social, dinâmica
de grupo, sociometria e liderança;
Patologia social; Política interna e
internacional.” (Klineberg, 1959:34)
MÉTODOS DA
PSICOLOGIA
SOCIAL
“Estudos experimentais de
psicologia social foram feitos,
desde 1841, sobre a sugestão, um
dos processos de inter-reação
mental (Braid, Escola de Nancy,
Binet e Fere)” (Ramos, 1936: 22)
“Vindo da psicologia de um
lado, e da sociologia do outro, a
psicologia social trabalha com
métodos das duas ciências.”
(Ramos, 1936:25)
“A partir da segunda guerra, a
psicologia social, bem como outras
ciências sociais do comportamento,
desenvolveram muitos setores. Deu-se
ênfase à coleta empírica de dados, à
teoria, ao emprego da experimentação no
laboratório, bem como aos métodos de
observação de campo e ao interesse por
grande diversidade de problemas sociais
concretos.” (Krech, Crutchfield, Ballachey,
1969: prefácio)
CRÍTICAS À
RELEVÂNCIA DA
PSICOLOGIA SOCIAL
“ A psicologia social
contemporânea enfrenta certos
problemas de auto-
questionamento. O auto-
questionamento se refere a pelo
menos três de seus aspectos: sua
metodologia, seu embasamento
teórico e sua aplicação.” (Salazar,
1976: 30)
Níveis de Análise da
Psicologia Social
Intraindividual

Interindividual

Intragrupal

Intergrupal